Algumas dicas para motoristas de primeira viagem.

Dirigir passa a ser uma tarefa fácil depois de um tempo de treinamento. No inicio, parece difícil controlar tudo ao mesmo tempo, como trocar a marcha, pisar nos pedais certos, abrir os vidros, ouvir música e prestar atenção no transito. Mas é importante ressaltar algumas dicas para quem comprou um carro e está iniciando nesse mundo não entrar em pânico.

REVISÃO:

Todo carro, seja zero ou usado, necessita de revisões periódicas. Motor, freios, suspensão, parte elétrica: tudo precisa ser checado, por mais que o vendedor tenha usado aquela velha estratégia de “que era carro de garagem e que foi todo revisado”. Se você comprou um carro novo, fique bem atento às datas das revisões indicadas pelo fabricante no manual. E é importante que você consiga a indicação de um mecânico de confiança.

GARANTIA:

Caso tenha acabado de tirar o carro da concessionária, fique atento ao manual do proprietário. Parece chato, mas é extremamente importante. Ali encontram-se informações sobre a garantia. Não fazer as revisões e usar algumas peças não recomendadas são situações que provocam a perda de garantia. Instalar som e alarme fora da concessionária, por exemplo, faz você perder a garantia do sistema elétrico. Rodas maiores podem tirar a garantia do conjunto de suspensão.

ÓLEO DO MOTOR:

Verificar o nível é importante, mas isso não deve ser feito com o motor muito quente. Puxe a vareta antes de “acordar” o motor na garagem ou, se já estiver na rua, desligue-o e aguarde uns 10 minutos, sempre com automóvel sobre um piso reto. A partir disso, você pode olhar o nível, que deve estar entre o mínimo e o máximo na indicação da vareta. Se estiver baixo (e é normal baixar um pouco), complete com o mesmo lubrificante recomendado pela fábrica. A marca pode variar, mas as especificações de viscosidade e qualidade devem ser as mesmas (por exemplo SAE 5W/40 SN). E siga os prazos de troca — nos carros modernos, costuma ser a cada 10 mil quilômetros, mas trocar antes não faz mal.

AR-CONDICIONADO:

O ar-condicionado também precisa de cuidados. Você precisa ligar o aparelho mesmo no inverno, pelo menos uma vez por semana, para conservar o sistema. O gás do ar não “gasta” e nem tem validade. Então não caia no conto de alguns mecânicos enroladores. O gás só precisa ser trocado ou reposto quando houver problemas no sistema, como vazamentos.

Venha para a Top Car Pneus, você consegue peças, pneus, e até rodas esportivas com o melhor preço do RJ.

 

 

Leave a reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>